FRANÇA.

outubro 5, 2012

Ponte nas alturas

A mais alta ponte do mundo fica na França e é maior que a Torre Eiffel

Por Casa e Jardim Online

A Ponte Millau, a mais alta do mundo

Imagine uma estrutura do tamanho da Torre Eiffel em um vale entre duas montanhas, no sul da França. Agora multiplique este enorme monumento por sete. Entre eles, passa uma estrada suspensa de 2,5 km de comprimento. Esta é a Ponte Millau, a mais alta do mundo. Ela tem 343 metros da base ao topo no ponto mais profundo do vale e exigiu que novas técnicas de engenharia fossem desenvolvidas para sua construção.

Na inauguração, ela foi batizada de “milagre de equilíbrio”. De fato, quando há névoa, a ponte parece flutuar nas nuvens. Projetada pelo arquiteto inglês Lord Norman Foster e pelo engenheiro francês Michel Virlogeux, ela custou 520 milhões de dólares – o dobro do previsto. A construção atravessa o vale do rio Tam e facilita viagens de carro de Paris para o sul da França e para a Espanha.

O projeto foi um grande desafio de engenharia, devido à enorme altura. Primeiro, os pilares de concreto e aço foram construídos. Depois, a estrada foi “empurrada” das margens da montanha para o centro. O processo inovador levou apenas três anos e terminou com um mês de antecedência.

A Millau já foi palco de alguns eventos esportivos, como o Tour de France, tradicional corrida de ciclismo, e a 100 Km Millau, uma ultramaratona. O monumento é tão importante para os franceses, que há até uma loja desuvenirs com camisetas, chaveiros e canecas com desenhos da ponte.

A ultramaratona 100 Km Millau pasa pela ponte

Quando há névoa, a construção parece flutuar nas nuvens

A Ponte Millau tem 343 metros de altura

A iluminação noturna da ponte

A inauguração teve show de fogos de artifício

MUNDO

outubro 5, 2012

Conheça 10 roteiros para degustar vinho pelo mundo

Por GQ Online

Vale do Loire, França. A região comporta bem grande diversidade frutífera. Conhecida como o Jardim da França, Loire é a segunda maior região produtora de vinhos na França, perde apenas para Bordeaux. Seus vinhos mais conhecidos são os brancos e espumantes. Apesar disso, a região produz alguns excelentes tintos a partir da casta Cabernet Franc

Toscana, Itália. Qualquer lista que se preze precisa incluir a Toscana e sua paisagem verdejante de colinas e vinhedos frondosos. A região é caracterizada pelos vinhos tintos feitos da uva Sangiovese. O vinho Chianti – talvez o mais famoso da Itália – é produzido na Toscana

Napa Valley, Califórnia. Engloba cinco importantes cidades vinícolas: American Canyon, Calistoga, Santa Helena, City of Napa e Yountville. A região produz excelentes cabernet sauvignon, chardonnay, merlot e pinot noir. Parte da fama do local se deve ao esforço de Robert Mondavi, responsável pelo desenvolvimento da vinicultura no norte do Estado da Califórnia. Sua vinícola é parada obrigatória para quem vai à região pela primeira vez

Queenstown, Nova Zelândia. A proximidade com Central Otago, região produtora de vinho mais ao sul do mundo, significa uma abundância de variedades de altíssima qualidade, com destaque para o Pinot Noir

Cape Town, África do Sul. A região é a porta de entrada das vinícolas sul-africanas. O clima mediterrâneo, com verões mornos e chuva de inverno, combinado com um solo rico, assegura o crescimento de videiras fortes e saudáveis. Destacam-se entre as uvas de vinhos brancos Chenin Blanc, Colombard, Chardonnay, Sauvignon Blanc, Riesling e Semillon . Já entre os tintos, Cabernet Sauvignon, Pintoage e Merlot

Mendoza, Argentina. A Argentina possui algumas uvas praticamente nativas como a Criolla e Torrontes (brancas) e a Bonarda (tinta), que produzem vinhos de todas as qualidades. O país é um grande consumidor da bebida, para um vinho ser considerado varietal deve possuir no mínimo 80% da uva principal

Santorini, Grécia. Vinhos brancos secos e refrescantes produzidos em solo vulcânico, são ótimos para acompanhar peixes. Os locais dizem que produzem vinhos há mais de 3 mil anos e que antigamente a bebida era usada com efeito medicinal

Vale Central, Chile. Compreende as áreas entre a costa do Pacífico e as encostas dos Andes. Dentre as uvas brancas chamam atenção, sauvignon blanc, semillon blanc, chardonnay e chenin blanc. As tintas mais plantadas são a cabernet sauvignon, merlot, syrah e carmenère

Oregon, Estados Unidos. São duas as principais regiões vinícolas abertas aos visitantes: o Rogue River Valley, ao sul de Oregon, e Willamette Valley, mais ao norte. Considerada a verdadeira terra da Pinot Noir nos Estados Unidos, seus vinhos são mais elegantes e delicados do que os semelhantes californianos. A chardonnay tem dado vinhos cada vez melhores na região fria e resultando em bebidas bastante singulares

Charlotesville, Estados Unidos. O interior rural da Virgínia tem onze trilhas para explorar e 136 vinícolas, muitas concentradas em vinhos cabernet franc, que parecem se adaptar melhor ao clima local. Beber uma taça de vinho dentor dos encantadores chalés locais é obrigatório aos visitantes

MUNDO

agosto 25, 2012

Conheça as cidades mais antigas do planeta(CASA VOGUE)

  (Foto: Wikimedia / Idobi / http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Jericho_053a.jpg)

Jericó, Palestina

  (Foto: Wikimedia / Sebastian Wallroth / http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Evening_over_Damascus_Syria.jpg)

Damasco, Síria 

  (Foto: Wikimedia / Heretiq / http://commons.wikimedia.org/wiki/File:ByblosPersianCastle.jpg)

Biblos, Líbano 

  (Foto: Wikimedia / Preacher Iad / http://en.wikipedia.org/wiki/File:Khusruwiyah_Mosque2_Alp.JPG)

Alepo, Síria – desde 5000 a.C.

  (Foto: Wikimedia / Christophe Meneboeuf / http://en.wikipedia.org/wiki/File:Acropolis_%28pixinn.net%29.jpg)

Atenas, Grécia

PORTO FINO – ITÁLIA.

agosto 24, 2012

Natureza e luxo em  Portofino. (Casa Vogue)

  (Foto: Adriano Bacchella)  (Foto: Adriano Bacchella)  (Foto: Adriano Bacchella)
  (Foto: Adriano Bacchella)  (Foto: Adriano Bacchella)  (Foto: Adriano Bacchella)  (Foto: Adriano Bacchella)  (Foto: Adriano Bacchella)  (Foto: Adriano Bacchella)

MUNDO

agosto 16, 2012

News

As 20 piscinas mais incríveis e com vistas deslumbrantes pelo mundo

Por GQ Online (globo.com)

Termômetro subindo, calor, dias quentes. Bom, temos 20 piscinas com incríveis horizontes para você sonhar. A GQ Espanha selecionou e nós aprovamos as escolhas de lugares estratégicos em diversas partes do mundo em que podemos encontrar piscinas maravilhosas, como a de Oberoi Udaivilas, na Índia, acima – se alguma vez você ouviu a frase “viva como um marajá” e se sempre teve curiosidade em saber qual o significado disso, pode descobrir aqui www.oberoihotels.com/oberoi_udaivilas. São 20 destinos internacionais que se destacam por terem piscinas impactantes. Os espanhóis poderiam ter escolhido algumas de nossas piscinas, passaram reto – mas nós aqui na GQ Brasil demos um jeito, derrubamos a do Hotel Emperator na Espanha e colocamos a nossa no Unique, em São Paulo, votada uma das mais lindas pela CNN. Quem sabe uma dessas abaixo não vira sua próxima viagem de férias? Confira!

Mandarin Oriental, Sanya (China): É um dos destinos que em pouco tempo vai se tornar uma referência mundial. Foi uma das primeiras do setor de luxo a se instalar em uma ilha no país e conta com uma das instalações mais espetaculares. Sua piscina infinita é uma experiência no Mar da China. www.mandarinoriental.es/sanya

Hayman (Australia): Ela fica em um hotel em uma ilha privada em frente a Grande Barreira de Coral. É necessário mais alguma explicação? www.hayman.com.au

Boscolo Exedra (Itália): Em Roma, viva como um romano milionário. Esse é um dos importantes edifícios que embelezam a Praça da República. A piscina tem uma vista incrível para a Cidade Eterna. www.boscolohotels.com/es

Jumeirah Port Soller (Espanha): É o primeiro hotel da rede árabe que abre na Europa. Esta piscina se transformou em um local de observação perfeita do Mar Mediterrâneo.www.jumeirah.com/mallorca

Mandarin Oriental, Barcelona (Espanha): A piscina deste hotel é bastante rasa, mas é perfeita para se refrescar enquanto se contempla, sem nenhum tipo de interferência, a silhueta de Barcelona. É um refúgio do calor da cidade em pleno coração da capital, em Paseo de Gracia. www.mandarinoriental.com/barcelona

The Residence Zanzibar (Tanzânia): Este hotel é uma referência de luxo desta grande ilha. Sua ampla piscina infinita é rodeada de palmeiras e parece tocar o Oceano Índico.www.theresidence.com/zanzibar

The Peninsula Bangkok (Tailândia): Esta piscina tem uma das vistas mais espetaculares do mundo: a cidade de Bangkok serve como paisagem. Também é um dos melhores lugares para se contemplar o skyline da capital. Seus 60 metros de comprimento nos permite nadar tranquilamente. www.peninsula.com/Bangkok

 

Hotel Unique (Brasil): Até a CNN já a colocou em sua lista das melhores piscinas incríveis, com uma vista 360 de uma das regiões mais arborizadas e com skyline afastado, no Ibirapuera – com isso, você vê prédios, mas eles não tampam a visão.http://www.hotelunique.com.br/

Hotel du Palais (França): Este presente de Napoleão III para sua mulher, a imperatriz espanhola Eugenia de Montijo, é um dos edifícios mais conhecidos da França. Destaque para sua clássica piscina elevada sobre a praia que o torna um lugar perfeito para desfrutar da beleza deste antigo refúgio de verão da nobreza européia. www.hotel-du-palais.com

Selman Marrakech (Marrocos): Este hotel é a novidade da cidade vermelha. Ele acaba de abrir suas portas e se converteu em uma referência. www.selman-marrakech.com

Mandarin Oriental, Chiang Mai (Tailândia): Situado na capital cultural do país a cadeia hoteleira asiática soube criar um centro de relaxamento considerado referência em todo o mundo. Sua piscina ampla não deixa lugar para dúvidas: um mergulho aqui é algo incrível. www.mandarinoriental.com/chiangmai

Hotel Monte Mulini (Croácia): Este hotel, na região de Istria, está localizado em um dos lugares mais belos do país, Rovinj. A fusão entre natureza e mar fazem desta piscina um dos locais mais agradáveis do mundo para se refrescar. www.montemulinihotel.com

The Nam Hai (Vietnã): Se procura uma paisagem de cartão postal aqui está. Em plena baía de Há-Long a espetacular arquitetura e desenho da piscina está a altura da beleza em seu entorno. www.thenamhai.com

Tivoli Palacio de Seteais (Portugal): É difícil encontrar uma piscina em um palácio do século XVIII, mas em Tivoli é possível encontrar uma em um belo jardim com vista para as praias de Cascais. É a oportunidade para nadar em um monumento histórico.www.tivolihotels.com

Six Senses Nin Vahn Bay (Vietnã): A imagem já explica bastante o motivo de nossa escolha. www.sixsenses.com

Explora Atacama (Chile): Procura por silêncio? Não existe opção melhor que um hotel em pleno deserto. Esse oásis proporciona descanso e relaxamento para os hóspeddes que também podem contemplar as estrelas enquanto nadam. www.explora.com/es/explora-atacama

The Yeatman (Portugal): Em uma das cidades mais românticas e mágicas de Portugal, Opporto, encontramos este hotel com uma piscina coberta e outra descoberta com vistas para o rio Douro e sua ponte emblemática, Maria Pia. www.the-yeatman-hotel.com/es

The Connaught (Reino Unido): Em pleno coração de Londres, no bairro de Mayfair, encontramos estas piscinas singulares. A primeira de Aman Resorts fora de um de seus hotéis. O luxo de The Connaught se une a uma das mais prestigiadas cadeias hoteleiras do mundo. Um pequeno oásis a poucos metros de Hyde Park. www.the-connaught.co.uk

Four Seasons Ritz Lisboa (Portugal): Esta piscina coberta conserva o ambiente elegante dos anos 50 e 60. É como uma viagem ao tempo em uma das capitais mais encantadoras da Europa

TURQUIA-ISTAMBUL

agosto 15, 2012

 

istambul mesquita azulistambul mesquita azul

Já que é para se aventurar em um país nada melhor do que escolher um dos lugares mais lindo e exóticos que existe no mundo.Istambul é a maior cidade da Europa e a quinta maior cidade do mundo. Na sua área metropolitana vivem aproximadamente 13 milhões de habitantes a grande parte é de  muçulmanos.Istambul já foi a pérola de vários impérios. Conquista e reconquistada, Istambul é uma cidade de grande carisma. É aqui que se dá o encontro entre o oriente e o ocidente. O Bósforo atravessa a cidade, de um lado temos a Ásia e do outro lado a Euro. Em Istambul são imensos os edifícios com grande importância histórica. Um deles é a Mesquita Azul. Esta mesquita é considerada uma das mais bonitas do mundo. Construída pelo sultão Ahmed para rivalizar com a Mesquita Azul, esta ganhou o seu nome devido aos magníficos mosaicos azuis colocados no seu interior.

A Turquia é um lugar muito intrigante, e faço com que o visitante queira saber e descobrir mais sobre esse fascinante país. Pelas ruas é fácil encontrar mulheres totalmente cobertas, vestidas de burca como é de costume no país, mais também existe muitas mulheres que se vestem do mesmo jeito que as ocidentais.

                          Mercados, bazares e Afins

Mulheres usam burca em locais públicos.

O Grande Baza

Istambul é uma cidade de comércio e consequentemente de mercados. Dois dos mercados mais conhecidos são o Grande Bazar e o Bazar das Especiarias. O Grande Bazar é o maior mercado coberto do mundo, contudo, altamente turístico. O Bazar das Especiarias ou Bazar Egípcio é muito mais pequeno mas tem um grande charme proveniente da grande diversidade de produtos que lá são vendidos.

respesctivamente : kebab ,Imam bayildi, Pide (“pizza turca”) e kebab de cordeiro

A culinaria é delisiosa, um desdobramente de aromas e sabores que conseguem abrir o apetite de qualquer um.sempre algo muito importante de experimentar, mais lembre-se de tomar cuidado, pois a comida é bem apimentada e os tempeiros exoticos.

POR:FABIANO RANGEL

JAPÃO

agosto 15, 2012

Imagem: : Getty ImagesJovens casais procuram roteiros exóticos ao redor do mundo para realizar o casamento (Imagem:: Getty Images)

plitvickajx4 Cataratas de Plitvicka: um dos lugares mais bonitos do planeta

É bonito ou não é? Tem gente que pensa que isso nem é de verdade.

dscn1797ii6 Cataratas de Plitvicka: um dos lugares mais bonitos do planeta

plitvickavertvf5 Cataratas de Plitvicka: um dos lugares mais bonitos do planeta

ITÁLIA

agosto 6, 2012

Enviado por Fernando Moreira –

Restaurante fica dentro de gruta na Itália

A vista do Mar Adriático é estonteante. Principalmente no verão (na Europa). É nessa estação que o Grotta Palazzese fica ainda mais encantador. O restaurante em Polignano a Mare, no sul da Itália, foi construído dentro de uma caverna. Os especialistas afirmam que um jantar no local é umaexperiência única – como poucas no mundo.

restaurante do século XVIII fica a cerca de 20 metros do nível do mar. O menu até que não é caro para tanta beleza: 100 dólares por pessoa. O Grotta Palazzese fica aberto de maio a outubro. Excelente apetite!

MUNDO

agosto 3, 2012

Sete cidades mais altas do mundo

Posted by Pedro e Eninha Campos  in Turismo |

 

A versatilidade da natureza  humana  é evidente em sua capacidade de sobreviver em alguns dos mais remotos e inóspitos  lugares da Terra.  Além do mais  os seres humanos, não apenas sobrevivem mas, muitas vezes florescem nestas localidades, por isso não é de admirar que a esmagadora, expansão de cidades e aldeias encontram-se movimentando comercio  no alto dos picos e vales do mundo .Apresentamos sete das cidades mais altas do planeta, alguns dos quais tornaram-se capitais de seus países, algumas estão algum tempo abandonadas  .

1.A cidade boliviana de Potosí é declaradamente a cidade mais alta do mundo, a 4.090 metros (13.420 pés) acima do nível do mar. O pico do Cerro de Potosí, ou Cerro Rico – Rich Montanha, domina a linha céu  da cidade, e esta acima dos telhados  mais 800 metros ..
Image: gianluca.nastasi

2.A 2850 m acima do nível do mar e cerca de 22 km do Equador é a cidade equatoriana de Quito. É ladeado por ambos os lados dos Andes, e num dia claro, é possível ver o vulcão,  Cotopaxi  coberto de neve à distância.Imagem:Whirling Phoenix


3. Perto da fronteira do Tibete, 3.789m – 12.630 pés acima do nível do mar é a pequena vila isolada de Laya. É uma das mais remotas cidades do Butão, tão remoto que rotas para a área são frequentemente fechadas ou intransitáveis durante os meses de inverno. Imagem: Bhutan Abbot Tours


4. É difícil acreditar que a área em torno do altaneiro picos das Montanhas Atakor são povoadas, o espaço é tão seco e desolado. Mas mesmo aqui há  vida, em uma cidade situada cerca de 2728 m acima do nível do mar, chamado Assekrem. A cidade fica em uma das mais antigas rotas comerciais através do Saara. Imagem Gruban

5. La Paz, também na Bolívia, é uma cidade espalhada a 3500m acima do nível do mar onde moram  pouco menos de um milhão de pessoas. Está  uma grande posição para quem deseja passar algum tempo visitando uma série de pontosturísticos em altitude- as antigas ruínas de Tiahuanacu estão próximas (muito mais velhas do que Machu Picchu), como está o Lago Titicaca. Imagem: Natmandu

6. O pequeno principado de Andorra é um pequeno país sem litoral aninhado na cordilheira dos Pirenéus, entre Espanha e França. O país inteiro não é maior que 470 km ² (181 m²) e os picos mais altos – Coma Pedrosa – está a 2946 m (9665 pés) acima do nível do mar. É também um dos mais populares destinos de esqui. Imagem :Fran Ontanya

7. Nenhuma  lista de cidades nas nuvens poderia ser completa sem a antiga cidade de Machu Picchu, no alto dos Andes. Presume-se que tenha sido construída entre 1460 e 1470 dC, a cidade fica a 2430 m acima do nível do mar e é muitas vezes coberta de nuvens. O lugar , Património Mundial da UNESCO, é popular entre os caminhantes, alguns diriam quase demasiado popular. Imagem: Michael McDonough

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.